Autor Tópico: The Cove (2009)  (Lido 3636 vezes)

0 Membros e 1 visitante estão a ver este tópico.

cab

  • Retirado
  • pt

  • Registo: 10 Out, 2007
  • Membro: 5
  • Mensagens: 7 496
  • Tópicos: 3 824

  • : 0
  • : 5

The Cove (2009)
« em: Segunda, 14 de Dezembro, 2009 - 16h30 »
The Cove



[imdb]

Versão 1: AMiABLE e ExTrAScEnE-RG

Créditos para:
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
DVDrip e BDrip

 :pt:



Versão 2: AMiABLE e ExTrAScEnE-RG

Créditos para: biancaefred
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
DVDrip e BDrip

 :br:



Versão 3: OpTn8

Créditos para: biancaefred|Sync: Shig
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
BRrip

 :br:



Versão 4: 1080p-BestHD

Créditos para: biancaefred
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
BRrip

 :br:



Versão 5: M00DY

Créditos para:
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
DVDrip

 :pt:



Versão 6: 720p-BestHD

Créditos para:
[ Anexo: Você não tem permissão para ver anexos ]
BRrip

 :pt:

Há 6 anexo(s) neste tópico que você como visitante não tem permissão para ver ou transferir.
The Cove (2009).02BR.rar
The Cove (2009).03BR.rar
The Cove (2009).04BR.rar
The Cove (2009).05PT.rar
The Cove (2009).06PT.rar
The Cove (2009).PT.rar
« Última modificação: Quinta, 29 de Setembro, 2011 - 06h49 por ibbins »
O conhecimento governará sempre a ignorância...

cab

  • Retirado
  • pt

  • Registo: 10 Out, 2007
  • Membro: 5
  • Mensagens: 7 496
  • Tópicos: 3 824

  • : 0
  • : 5

Re: The Cove (2009)
« Resposta #1 em: Segunda, 14 de Dezembro, 2009 - 16h31 »
Documentário aqui.
O conhecimento governará sempre a ignorância...

MasterSLB

  • pt

  • Registo: 29 Nov, 2009
  • Membro: 9690
  • Mensagens: 1
  • Tópicos: 0

  • : 0
  • : 0

Re: The Cove (2009)
« Resposta #2 em: Quarta, 16 de Dezembro, 2009 - 23h41 »
Muito obrigado pelas legendas e pelo documentário também!

biancaefred

  • br

  • Registo: 31 Jul, 2009
  • Membro: 7137
  • Mensagens: 29
  • Tópicos: 2

  • : 0
  • : 0

Re: The Cove (2009)
« Resposta #3 em: Sábado, 19 de Dezembro, 2009 - 22h05 »
 :arrow: LEGENDA PT_BR :br:

FILME FAVORITO AO OSCAR DE MELHOR DOCUMENTÁRIO 2010 (Possibilidade: 66 / 100)

PREMIAÇÕES AMEALHADAS POR THE COVE ATÉ A DATA DE PUBLICAÇÃO DESTA LEGENDA:

- Sundance Film Festival
- Sydney Film Festival
- Stockholm Film Festival
- Rome Film Festival
- Amsterdam International Film Festival
- Galway Film Fleadh
- Hot Docs Canadian International Documentary Festival
- Nantucket Film Festival
- Newport Beach Film Festival
- Seattle International Film Festival
- Silverdocs Documentary Festival
- Woods Hole Film Festival
- Maui Film Festival
- Blue Ocean Film Festival
- Traverse City Film Festival
- Herartland Film Festival
- Ghent Film Festival
- Enviromental Media Awards
- National Board of Review
- Alliance of Women Film Journalists
- Boston Society of Film Critics
- Indiana Film Journalist Association
- Los Angeles Film Critics Association
- San Diego Film Critics Association
- Southeast Film Critics Association
- Toronto Film Critics Association
- New York Film Critics Online


SINOPSE:

Premiado no Sundance Film Festival deste ano (entre vários outros prêmios), e o mais cotado para o Oscar de Melhor Documentário 2010, o documentário de Louie Psihoyos “The Cove” expõe a matança dos golfinhos no Japão, onde cerca de 23 mil são mortos anualmente e muitos outros são capturados para serem enviados para parques de diversões.

Na década de 1960, Ric O'Barry  capturou e treinou os 5 golfinhos que interpretaram o personagem-título da série de televisão "Flipper". Um dia, Barry veio a perceber que estas criaturas profundamente sensíveis e extremamente inteligentes nunca deveriam ser submetidas ao cativeiro do homem novamente. Esta missão de redenção o trouxe a Taiji, uma pequena cidade do Japão que parece ser dedicada às maravilhas e mistérios dos elegantes e brincalhões golfinhos e baleias que nadam ao largo das suas costas oceânicas.

Mas, em uma remota enseada (a tal “cove” que dá título ao documentário), cercada por arame farpado e placas de “afaste-se”, existe uma realidade tenebrosa. É aqui, na calada da noite, que os pescadores de Taiji, impulsionados por uma multi-bilionária indústria do entretenimento com golfinhos e um mercado clandestino de sua carne, participam de uma caçada invisível. A natureza do que eles fazem é tão fria e as conseqüências são tão perigosas para a saúde humana e para o meio ambiente, que eles não medem esforços para que o mundo não veja o que acontece ali. Acontece que agora o mundo está vendo, nesse documentário!


NOTA NO IMDB: 8,6 / 10

SITE OFICIAL: http://thecovemovie.com/

TRAILER:
http://www.youtube.com/watch?v=4KRD8e20fBo#


MINI GLOSSÁRIO:

FLIPPER: Era uma série de TV norte-americana de 88 episódios, de 25 minutos cada, apresentada originalmente de 19 de setembro de 1964 até 1 de setembro de 1968 pela rede NBC, nos Estados Unidos. Esta série é uma adaptação ou um spin-off do filme Flipper de 1963. A história da série Flipper conta o dia-a-dia do guarda Porter Ricks, que trabalha numa reserva marinha na Flórida, nos Estados Unidos, cuja a função é proteger os peixes, corais e toda espécie de vida que exista na reserva de mergulhadores e pessoas mal intencionadas. Porter Ricks é um viúvo que passa seu tempo zelando pela vida marinha e cuidando de seus dois filhos: Sandy de 15 anos e Bud de 10 anos. As crianças contam sempre com a ajuda do golfinho Flipper, para sair das enrascadas ou para ajudar a combater destruidores do meio-ambiente. Na realidade Flipper nunca existiu. Para interpretar o papel foram necessários cinco golfinhos fêmeas, pois os machos geralmente apresentam marcas de dentes na parte de cima, devido às lutas para conseguir as fêmeas, e os produtores necessitavam que os golfinhos tivessem corpos impecáveis. Os golfinhos nunca trabalhavam em liberdade, a série foi rodada no interior de um perímetro cercado nas Bahamas, onde também acontecia o treinamento. Richard (Ric) O´Barry, treinador de golfinhos, declarou textualmente: "depois de dois dias sem comer, não há nada que um golfinho não faça por um bom pescado". A voz de Flipper era falsa. O som que se escutava quando o animal balançava a cabeça na água salgada e sacudia o corpo, foi gerado por Mel Blanc que também fazia as vozes do Pernalonga e de outros desenhos animados. Na década de 60, quando a série se tornou um sucesso, um golfinho treinado custava cerca de 400 dólares e todos queriam ter um. Quem tinha dinheiro para construir uma piscina queria ter um “Flipper”. O Sea Aquarium de Miami, dono da mesma empresa que produziu a série, se tornou então a principal exportadora de golfinhos fêmeas. A série causou mais danos do que benefícios aos golfinhos. O público fã de Flipper, começou a pedir leis mais rígidas que defendiam os mamíferos marinhos e assim começaram as primeiras proibições de captura. No inicio dos anos 70 o preço de um golfinho já era por volta de 220.000 dólares. Nos anos 80, ao descobrir que se matava mais golfinhos do que realmente eram capturados, uma campanha se estendeu por todo os Estados Unidos. A imagem de Flipper tem, talvez, matado mais golfinhos do que salvo suas vidas. Flipper fez um grande sucesso no mundo todo, e no Brasil não foi diferente, quando passou por aqui conseguiu reunir uma legião de fãs. (Fontes: TVSinopse, IfanTV, Soseriados)

GOLFINHO “NARIZ DE GARRAFA”: Também chamado de golfinho-roaz, golfinho-comum ou roaz-corvineiro (Tursiops truncatus) é talvez a mais famosa e conhecida espécie de golfinho no mundo inteiro. Não somente por ser a espécie do famoso golfinho da série de televisão Flipper, mas também em função de sua distribuição ao longo de águas costeiras e oceânicas em todos os mares do planeta com exceção dos mares polares. O golfinho-nariz-de-garrafa possui o corpo robusto, a cabeça robusta e o bico curto, largo e nitidamente distinto da cabeça. A sua nadadeira dorsal é alta e falcada. Em geral, o tamanho entre 1,9 m à 4 m, a medida de comprimento do macho é de 3,80 m e o da fêmea é 3,60 m, mas já se observaram exemplares maiores. Seu peso médio e de 500 quilos. (Fonte: pt.wikipedia.org)

IWC: International Whaling Comission (Comissão Baleeira Internacional) é um organismo internacional criado em Washington, DC, em 2 de dezembro de 1946 para "assegurar a conservação adequada das populações de baleias e assim tornar possível o desenvolvimento ordenado da indústria baleeira." Desde a década de 1970, no entanto, e entidade é dominada por governos que parecem estar em grande oposição à prática da caça comercial de baleias, mas na verdade a praticam sob alegação de “pesquisas científicas”, sendo o principal, mais influente e mais controverso dentre esses países, o Japão. (Fonte:wikipedia.org)

BALEIA MINKE: (Balaenoptera bonaerensis) é um mamífero cetáceo da família dos balenopterídeos, também conhecidas por baleia-anã, ou como finbeque na região dos Açores, uma das menores espécies de baleias do mundo. São encontradas em águas tropicais, temperadas e frias de todos os oceanos, tanto em áreas costeiras como em oceânicas. Suas principais características, corpo afilado, esguio e hidrodinâmico. Sua coloração é preta ou cinza-escura no dorso, na região da barriga a coloração é branca. Nadam rapidamente, quando saltam fora da água, em geral, mergulham de cabeça sem provocar muito barulho. Raramente expõe a nadadeira caudal quando mergulham. Aproximam-se de embarcações. As vocalizações incluem pulsos de baixa freqüência, estalos e cliques ultra-sônicos. Apesar da moratória da caça de baleias ter sido decretada em 1986, proibindo a caça comercial de baleias no mundo, atualmente a caça é realizada pelo Japão, Islândia e Noruega. Se não forem atrapalhadas pela caça, podem chegar a viver pelo menos, 47 anos. (Fonte: pt.wikipedia.org)

BALEIA FIN: (Balaenoptera physalus) É a segunda maior espécie existente e é mais freqüente em águas temperadas, árticas e antárticas do que nas zonas tropicais. O comprimento médio dos machos chega a 21 metros e o das fêmeas a 22 metros. Seu peso médio é de 45 toneladas. Apesar do tamanho, esta baleia lança-se completamente para fora da água. Esse comportamento é uma forma de comunicação entre os indivíduos, que também é feita por emissão de sons de baixa freqüência, estalos e cliques ultra-sônicos. Esses sons podem ser ouvidos até a 25 quilômetros. Elas nadam a 32 km/h, sendo uma das baleias mais rápidas. (Fonte: http://inema.com.br/mat/idmat023084.htm)

BALEIA SEI (Balaenoptera borealis): Ocorre em todos os oceanos do mundo, mas evita as regiões polares. O comprimento máximo do macho é de 17,70 metros e o da fêmea, 20 metros. O peso médio é de duas a três toneladas. Alimenta-se em águas próximas de superfície, por isto não costuma mergulhar fundo. É o mais rápido dos balaenopterídeos. Sua dieta é de lulas e pequenos peixes, podendo ingerir até uma tonelada diariamente. Acredita-se que essa baleia tenha comportamento monogâmico, formando casais que vivam juntos por longos períodos. (Fonte: Sea Shepherd Brasil)

BALEIA JUBARTE (Megaptera novaeangliae): Após 7 meses acumulando reservas de alimentos, que chegam a representar 30 centímetros de gordura, as baleias jubartes saem da Antártida à procura de águas pouco profundas, temperatura amena e movimento tranqüilo. Sua migração sazonal se alterna em áreas de alimentação, em altas latitudes, e áreas de reprodução, em regiões tropicais. As jubartes formam grupos de 3 a 8 animais, sempre dirigidas por uma única fêmea. Em meio às 79 espécies de cetáceos, mamíferos com forma de peixe, as baleias jubartes são as únicas que cantam, por isso são conhecidas como "baleias cantoras". Seus cantos são ouvidos, costumeiramente, pelos pescadores. (Fonte: Sea Shepherd Brasil)

BALEIA CACHALOTE: O maior cetáceo com dentes, é distinto, e difícil de ser confundido com outras espécies. A principal característica do cachalote é a sua cabeça grande retangular, que corresponde até 40% do seu comprimento total. Sua coloração é escura uniforme, indo do cinza ao marrom. A pele da cachalote é enrugada, principalmente na parte posterior do corpo. Os filhotes nascem com 3,5 a 4 metros e as fêmeas adultas atingem 12 metros e os machos 18 metros. O peso médio do macho é de cerca de 45 toneladas, e o da fêmea 20 ton. Por causa de seus caros produtos, como o espermacete e o âmbar-gris, o cachalote tem uma das mais antigas e contínuas histórias de exploração entre os cetáceos. O cachalote é detentor de alguns recordes do mundo natural: Maior mamífero com dentes que se conhece, vivo ou extinto, maior cérebro entre todas as espécies vivas da Terra, com um peso médio de 7 kg, sendo conhecidos espécimes com cérebro pesando 9 kg, maior carnívoro da Terra, mergulho mais profundo entre todos os mamíferos, a cerca de 2 200 metros, podendo suster a respiração por aproximadamente duas horas, animal mais ruidoso do mundo. Os sons produzidos pelo cachalote têm uma intensidade que excede os 230 dB. O romance Moby Dick foi inspirado em um cachalote albino, cuja fúria era capaz de afundar navios.  (Fonte: Baleiasonline e Wikipedia)

OPS: Oceanic Preservation Society (Sociedade de Preservação Oceânica) é uma organização sem fins lucrativos fundada em 2005 por fotógrafos, cineastas, e eco-ativistas, entre eles produtores e protagonistas de The Cove. Surgida por amor aos oceanos e pela preocupação com o seu declínio evidente, a OPS mostra ao mundo, através da mídia visual, o que está acontecendo em 70% do nosso planeta. (Fonte: http://www.opsociety.org/about-ops.htm)

MARGARET MEAD: (Filadélfia, 16 de Dezembro de 1901 — Nova York, 15 de Novembro de 1978) foi uma antropóloga cultural norte-americana. Criada na localidade de Doylestown por um pai professor universitário e uma mãe ativista social, graduou-se no Barbard College em 1923 e fez doutorado na Universidade de Columbia em 1929. Em 1925, ficou conhecida pelo trabalho de campo na Polinésia. Em 1926, colaborou no Museu Americano de História Natural, em Nova York, como assistente do diretor, e depois como diretora de etnologia (de 1946 a 1969). Durante a Segunda Guerra Mundial, foi secretária executiva do comitê de hábitos alimentares do Conselho Nacional de Investigação. (Fonte: pt.wikipedia.org)

PPM: Partes Por Milhão.

SNORKEL: Tubo para respiração direta da atmosfera, em mergulhos. Os chamados “mergulhos snorkel” são mergulhos rasos, que raramente ultrapassam um metro de profundidade na água.

UMA ÚLTIMA DICA: Legendamos as músicas e extras do filme, após os créditos. Assistam até o último segundo. ;)

Bom filme a todos!

Bianca e Fred
(No momento gorjeando aqui: http://www.twitter.com/biancaefred)  :!!!t:
« Última modificação: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 16h18 por cab »

shig

  • Ripper
  • Releaser
  • Postador de Legendas
  • Doador
  • br

  • Registo: 02 Mai, 2008
  • Membro: 1012
  • Mensagens: 2 354
  • Tópicos: 706

  • : 22
  • : 76

Re: The Cove (2009)
« Resposta #4 em: Sábado, 19 de Dezembro, 2009 - 23h42 »
Muito obrigado. Vou ver se serve na versão HD

biancaefred

  • br

  • Registo: 31 Jul, 2009
  • Membro: 7137
  • Mensagens: 29
  • Tópicos: 2

  • : 0
  • : 0

Re: The Cove (2009)
« Resposta #5 em: Domingo, 20 de Dezembro, 2009 - 16h47 »
Shig, avise se servir, por favor.
Vai nos poupar o imenso trabalho de baixar e conferir (nossa conexão é lenta demais para HDs. Levamos dias, às vezes semanas só para baixar).

Ficaremos gratos se puder nos ajudar.

Abraços,

Bianca e Fred
« Última modificação: Domingo, 20 de Dezembro, 2009 - 16h48 por biancaefred »

shig

  • Ripper
  • Releaser
  • Postador de Legendas
  • Doador
  • br

  • Registo: 02 Mai, 2008
  • Membro: 1012
  • Mensagens: 2 354
  • Tópicos: 706

  • : 22
  • : 76

Re: The Cove (2009)
« Resposta #6 em: Domingo, 20 de Dezembro, 2009 - 20h37 »
Olá Bianca e Fred
Muito obrigado pela legenda, vocês fazem um trabalho maravilhoso.
Fiz um pequeno ajuste na temporização, algo em torno de 1,3seg, ajuste linear ainda bem.
A meu ver ficou muito bom.

abraços

shig
« Última modificação: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 16h18 por cab »

biancaefred

  • br

  • Registo: 31 Jul, 2009
  • Membro: 7137
  • Mensagens: 29
  • Tópicos: 2

  • : 0
  • : 0

Re: The Cove (2009)
« Resposta #7 em: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 15h59 »
Muito obrigado, Shig!  :hat:

Abraços!

Fred

cab

  • Retirado
  • pt

  • Registo: 10 Out, 2007
  • Membro: 5
  • Mensagens: 7 496
  • Tópicos: 3 824

  • : 0
  • : 5

Re: The Cove (2009)
« Resposta #8 em: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 16h11 »
Shiii.... que vergonha  :shy:, shame on me!!!! :wall:
Então não é que me estava a esquecer de passar estas legendas, que de certeza estão impecáveis, para o tópico principal :wall: :wall: :wall:

Sorry biancaefred e Shig :shy:
« Última modificação: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 16h22 por cab »
O conhecimento governará sempre a ignorância...

cab

  • Retirado
  • pt

  • Registo: 10 Out, 2007
  • Membro: 5
  • Mensagens: 7 496
  • Tópicos: 3 824

  • : 0
  • : 5

Re: The Cove (2009)
« Resposta #9 em: Segunda, 28 de Dezembro, 2009 - 16h18 »
Legendas adicionadas ao tópico principal
O conhecimento governará sempre a ignorância...

cab

  • Retirado
  • pt

  • Registo: 10 Out, 2007
  • Membro: 5
  • Mensagens: 7 496
  • Tópicos: 3 824

  • : 0
  • : 5

Re: The Cove (2009)
« Resposta #10 em: Quarta, 10 de Março, 2010 - 17h16 »
Adicionadas outras legendas.
O conhecimento governará sempre a ignorância...