Autor Tópico: Cafe de Ideias: A Preguiça e a Melancolia (2013)  (Lido 924 vezes)

0 Membros e 1 visitante estão a ver este tópico.

pp1058

  • br

  • Registo: 23 Jun, 2011
  • Membro: 22299
  • Mensagens: 475
  • Tópicos: 236

  • : 0
  • : 0

Cafe de Ideias: A Preguiça e a Melancolia (2013)
« em: Segunda, 30 de Dezembro, 2013 - 19h45 »
Cafe de Ideias: A Preguiça e a Melancolia



[imdb]

Citar
Em nossas sociedades pós industriais contemporâneas, o imperativo categórico do sucesso social por meio de performances e rendimentos mantém o ócio sob suspeita e banimento, como algo da ordem do desajuste e anormalidade, a despeito de todas as utopias que celebravam as promessas da tecnologia como a realização da fantasia de uma libertação do homem da escravidão, da servidão e da necessidade, como as núpcias entre o trabalho produtivo e o lazer.

Seria o caso de se pensar num papel positivo para categorias politicamente ainda descreditadas, como as diferentes modalidades transgressivas de excesso, prodigalidade, desperdício: o não fazer nada, a total ausência de finalidade e instrumentalização, em ruptura com a exigência de consumo infinito e permanente entretenimento. O ideal de navegar na contra-corrente da compulsão à produtividade, de um ideal de felicidade banalizado como bem estar, segurança, ausência de dor e sucesso social.

http://www.youtube.com/watch?v=SB0FquFJJrI#ws

"O que nós queremos, o que não gostamos, o que pensamos, o que sentimos: tudo é impermanente. As palavras de elogios ou críticas são impermanentes. Todas vêm e vão. Se entendermos isso, não vamos ficar tão desorientados com os dramas da vida cotidiana."
Chagdud Tulku Rinpoche