Autor Tópico: Jairo Restrepo - Teoria da Trofobiose  (Lido 1066 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Fukuoka

  • br

  • Registo: 11 Set, 2014
  • Membro: 46821
  • Mensagens: 43
  • Tópicos: 24

  • : 1
  • : 2

Jairo Restrepo - Teoria da Trofobiose
« em: Terça, 23 de Maio, 2017 - 14h01 »
A Teoria da Trofobiose, também conhecida como teoria da planta equilibrada, nos diz que uma planta cultivada só será atacada por um inseto, ácaro, fungo ou bactéria, quando ela tiver na sua seiva exatamente o alimento que eles precisam. A seiva neste caso será formada principalmente por aminoácidos, substâncias simples e solúveis de fácil digestão para esses insetos ou microrganismos. Uma planta que se encontra num ambiente equilibrado, adaptada ao lugar onde vive, em solo contendo umidade, bem como quantidade e qualidade de nutrientes suficientes, consegue fabricar através do seu metabolismo interno e fotossíntese, substâncias complexas como proteínas, açúcares e vitaminas. Tais plantas dificilmente serão atacadas por “pragas e doenças” já que esses organismos não possuem aparelho digestivo preparado para dissolver substâncias complexas. Nos períodos climáticos desfavoráveis ou quando são empregados excesso de nutrientes solúveis e agrotóxicos, são liberados na seiva das plantas radicais livres (aminoácidos, açucares etc) que são alimentos prontamente disponíveis para os insetos nocivos e patógenos.



« Última modificação: Quinta, 14 de Junho, 2018 - 01h02 por Fukuoka »