Autor Tópico: Sky revela o ‘colapso’ da Super Liga em documentário  (Lido 120 vezes)

0 Membros e 1 visitante estão a ver este tópico.

Web-Man

  • Administrador
  • pt

  • Registo: 17 Dez, 2007
  • Membro: 329
  • Mensagens: 2 866
  • Tópicos: 586

  • : 4
  • : 37

  • Portugal
    • DocsPT
Sky revela o ‘colapso’ da Super Liga em documentário
« em: Quarta, 23 de Março, 2022 - 15h14 »
Intitulado "The Fight for Football", o documentário deixa um relato detalhado de como os planos para criar a Super Liga, com as 12 melhores equipas europeias, cairam por terra.




Um documentário da plataforma de televisão Sky, transmitido na passada segunda-feira em Espanha, deixa uma descrição detalhada de como os planos para o lançamento da Super Liga em abril de 2021 se desmoronaram. Há um ano, doze dos melhores clubes de futebol da Europa – incluindo o Real Madrid, Barcelona e Atlético Madrid – anunciaram que tinham criado uma Super Liga independente que lhes asseguraria milhares de milhões em receitas durante décadas, noticia a Servimedia.

Os promotores do projeto, liderados pelo presidente do Real Madrid, Florentino Perez, e pelo presidente da Juventus, Andrea Agnelli, pensaram que os adeptos aceitariam de bom grado este desmantelamento da pirâmide de futebol com 130 anos, em troca de uma nova competição em que as melhores equipas de futebol europeias jogariam entre si semana sim, semana não. No entanto, após dois dias de protestos e condenação de vários governos, a Super Liga entrou em colapso, como recorda o jornal Financial Times.

O documentário da Sky, intitulado “The Fight for Football” (A Luta pelo Futebol), oferece um relato detalhado de como esta mudança, que abalou os alicerces do futebol, se desdobrou. Enquanto a cobertura televisiva na altura procurou analisar esta proposta de mudança em profundidade, este documentário analisa a forma como a proposta provocou uma reação imediata dos fãs e das instituições.

Entre os fundadores da ideia da Superliga encontravam-se doze dos maiores clubes da Europa: Milan, Arsenal, Atlético de Madrid, Chelsea, Barcelona, Inter de Milão, Juventus, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Real Madrid e Tottenham. No entanto, em poucas semanas, a maioria deles abandonou, a começar pelos clubes ingleses e italianos e pelo espanhol Atlético de Madrid, devido às ameaças da UEFA de os expulsar da Liga dos Campeões e os sancionar com uma exclusão de vários anos.

Jornalistas de finanças e políticos explicam as motivações financeiras dos clubes no documentário, enquanto um painel de especialistas em futebol, incluindo o presidente da UEFA, Aleksander Ceferin, e o presidente da La Liga, Javier Tebas, dão a opinião dos protagonistas da resistência contra a Super Liga.

O documentário Sky também destaca a escassa menção dos meios de comunicação social às “equipas alimentadas por petrodólares” que durante muito tempo tornaram a competição obsoleta, ou o desejo de riqueza de alguns clubes que os levou à “falência moral”, uma omissão cada vez mais evidente à medida que surgem mais críticas ao proprietário do Chelsea Roman Abramovich, um dos proprietários dos 12 clubes europeus que procuraram criar a Superliga.

ECO